Mundo Financeiro

Você sabe muito bem que, para quem quer entrar no mercado financeiro, as primeiras certificações exigidas pelas instituições são as CPAs:  CPA-10 e CPA-20

Mas será que você realmente sabe todas as informações sobre elas? E as principais diferenças entre a CPA-10 e CPA-20?

Então, continue a leitura pois, no artigo de hoje, vamos falar sobre elas.

CPA-10 e CPA-20: as principais diferenças

Primeiramente, o que é CPA?

CPA significa Certificação Profissional ANBIMA. Certificação essa que é destinada àqueles que pretendem atuar na distribuição de produtos de investimentos em agências bancárias. Ou seja, ambas são certificações da ANBIMA iniciais para profissionais que pretendem trilhar sua carreira em uma instituição financeira.

A principal diferença entre essas duas certificações é o nível de conhecimento exigido para conquistar o certificado, bem como as responsabilidades que serão assumidas pelos profissionais certificados.

CPA-10

1. O que é?

CPA-10 (Certificação Profissional ANBIMA – Série 10) é a mais básica e representa o primeiro nível das certificações ANBIMA.

Atualmente é obrigatória para assistentes e gerentes na maioria dos bancos. Isso porque, além de atribuir credibilidade, é por meio dessa certificação que as instituições sabem que o profissional é qualificado para distribuir produtos de investimento mais básicos aos clientes das instituições financeiras.

Então, possuir CPA-10 é o primeiro passo em direção ao seu desenvolvimento profissional, já que este selo de qualificação acompanha oportunidades melhores, vagas mais atrativas e uma carreira brilhante em uma instituição bancária.

Parece ótimo, não é mesmo? Mas não é tão simples conquistar essa certificação. No primeiro semestre de 2019, a taxa de aprovação do CPA-10 foi de 47%, o que enfatiza o peso que a certificação possui no mercado e ilustra o quanto é necessário dedicar-se aos estudos.

2. Como é a prova?

A prova, feita pelo computador, é composta por 50 questões que devem ser respondidas em até 2 horas. Para ser aprovado(a) é preciso acertar pelo menos 70% da prova. Além disso, o candidato tem a opção de escolher a data e horário que preferir. 

Portanto, você precisa acertar pelo menos 35 questões das 50 para ser aprovado. 

3. Qual é o conteúdo que cai na prova?

O conteúdo cobrado no exame é dividido em 7 tópicos

  • Sistema financeiro nacional e participantes do mercado
  • Ética, regulamentação e análise do perfil do investidor
  • Conceitos básicos de economia e finanças
  • Princípios de investimento
  • Fundos de investimento
  • Instrumentos de renda variável e renda fixa
  • Previdência complementar aberta: PGBL e VGBL 

4. Como é feita a inscrição?

A inscrição para prova é feita pelo site da ANBIMA, e deve ser paga uma taxa de R$ 284,00 para quem é vinculado a instituições associadas à ANBIMA, e R$ 342,00 para quem não é vinculado. O pagamento pode ser feito por cartão de crédito ou boleto bancário. Não há opção de parcelamento.

Observação: as taxas mencionadas acima são da data de 18/2/2021. Elas podem ser alteradas a qualquer momento. Confira o valor que deve ser pago clicando aqui.

estudar para CPA-10 e CPA-20

 CPA-20

1. O que é?

Como é de se imaginar, CPA-20 é a segunda certificação ANBIMA. Representa um nível de conhecimento maior que o CPA-10, e é voltada para profissionais que vendem produtos de investimento, no entanto não mais tão básicos como na CPA-10, para clientes de varejo de alta renda, private, corporate e investidores institucionais.

Então, a CPA-20 é como um upgrade da CPA-10. O profissional que possuir a CPA-20 pode exercer as funções abrangidas pela CPA-10. 

Portanto, é um selo de qualificação superior ao selo CPA-10. 

Dito isso, todas as vantagens que um profissional teria ao possuir a CPA-10, aplicam-se também àqueles que têm a CPA-20, com o bônus de terem ainda mais prestígio por possuírem a certificação mais difícil de obter. 

Segundo dados da ANBIMA, no primeiro semestre de 2019, a taxa de aprovação da CPA-20 foi de 51%, 4% a mais do que a CPA-10 no mesmo período. Esses dados mostram o quanto é fundamental dedicar-se aos estudos, e o quão recompensador é ter este selo no currículo.

2. Como é a prova?

O exame de certificação da CPA-20 é composto por 60 questões que devem ser respondidas em até 2 h30, com mínimo de 70% de acertos para aprovação.

Ou seja, é preciso acertar pelo menos 42 questões das 60 para ser aprovado.

Assim como na CPA-10, o exame da CPA-20 é feito pelo computador, e o candidato pode escolher a data e horário que preferir.

3. Qual é o conteúdo que cai na prova?

O conteúdo da prova é dividido em 7 tópicos, assim como a CPA-10:

  • Sistema financeiro nacional e participantes do mercado
  • Compliance legal, ética e análise do perfil do investidor
  • Princípios básicos de economia e finanças
  •  Instrumentos de renda variável, renda fixa e derivativos
  • Fundos de investimento
  • Previdência complementar aberta: PGBL e VGBL
  • Mensuração, gestão de performance e riscos

4. Como é feita a inscrição?

A inscrição deve ser feita pelo site da ANBIMA, e deve ser pago uma taxa de R$ 448,00 para quem é vinculado a instituições associadas à ANBIMA, e R$ 537,00 para quem não é vinculado. O pagamento pode ser feito por cartão de crédito ou boleto bancário, sem a opção de parcelamentos.

Observação: as taxas mencionadas acima são da data de 18/2/2021. Elas podem ser alteradas a qualquer momento. Confira o valor que deve ser pago clicando aqui.

5. Tem validade?

CPA-10 e CPA-20 têm o prazo de validade de 5 anos se o profissional for vinculado a instituições financeiras. Caso não, o prazo cai para 3 anos. Porém, para renovar é preciso fazer o curso de atualização da ANBIMA.  

Vamos falar sobre as diferenças entre CPA-10 e CPA-20?

Você já deve ter percebido que uma é uma sequência da outra. Ambas têm objetivos similares: vender produtos de investimento. No entanto, a diferença está nas responsabilidades que acompanham as certificações.

A CPA-10 é recomendada para quem está no início da carreira bancária, a CPA-20, por sua vez, é voltada para os profissionais que, além de buscarem outros degraus da carreira bancária, lidam ou pretendem lidar com clientes com maiores recursos.

Portanto, para escolher qual é a certificação que pretende se dedicar, vale a pena pensar em qual das certificações faz mais sentido para a sua situação profissional, os objetivos que você pretende atingir e o que se alinha melhor com seu plano de carreira.

ascensão profissional mercado financeiro

Prepare-se para a prova!

Não importa qual das duas você escolher, é necessário dedicação e estudo para conseguir a aprovação. Mas não se preocupe, a gente te ajuda.

Aqui no Mundo Financeiro estamos desenvolvendo cursos preparatórios para as duas certificações. Eles estão no forno! Clique abaixo e entre na lista de espera.

Preparatório CPA-10 

Preparatório CPA-20

Vem se preparar com o Mundo Financeiro!

Escrito pelo colaborador Gabriel Maxwell

Artigo atualizado em 18/2/2021.

Mundo Financeiro

Ver todos os posts

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *