100 dias de home office – Um relato.

Mais de 100 dias de Home Office

Quando começamos o ano, nós do universo financeiro, imaginávamos um ano brilhante.

A Bolsa em 120 mil pontos, PIB crescendo, o horizonte de grandes números brilhava os olhos dos investidores ávidos por buscar para suas carteiras os bons resultados apresentados em 2019.

Enfim, tínhamos tudo para deslanchar, mas o que não imaginávamos era iríamos nos deparar com uma pandemia que afetaria a todos.

No artigo de hoje, estou aqui para contar um pouco sobre o cenário que encontramos, mudança de empresa e minha nova rotina como analista de investimentos que está a mais de 100 dias em home office.

Mercado de trabalho

Falando um pouco de mim, tive uma mudança bastante significativa. Sai da minha zona de conforto e enfrentei o desafio de mudar de empresa e função. Mudar dói! Afinal, a previsibilidade dos dias traz um acalento ao coração e pra mim, como boa ansiosa que sou, doeu.

Cheguei na nova empresa e aí sim o desespero bateu. Será mesmo que eu estava pronta para esta mudança?

Apesar de toda inquietude por talvez achar que não daria conta, não dava para voltar atrás. Então, entrei no meu modo “só vai” e aqui estou indo “em frente e enfrente”!

Aprendendo muito a cada dia, em cada desafio novo e só tenho a agradecer (assim como Anitta) a mim mesma por ousar querer mais.

Depois de um mês na nova empresa e depois de um carnaval frenético em todo Brasil, tivemos que enfrentar a realidade que nos batia à porta: O vírus que assombrava o outro lado do mundo já estava entre nós.

Com o recém chegado visitante também chegou ao Brasil a necessidade de responder a ele – sem julgamentos se cedo ou tarde, este não é meu papel aqui – veio o fechamento da atividade econômica, permanecendo aberto somente o que é considerado serviço essencial.

Fechamento da atividade econômica

O resultado disso podemos observar em nossos 120 mil pontos do Ibovespa que se distanciam cada dia mais.

Em janeiro tínhamos 119 mil pontos, já em 23 de março chegamos a 63 mil pontos, 47% de queda! A Bolsa de Valores estava derretendo!

O brasileiro que estava experimentando a renda variável após quedas seguidas da Selic entrou em desespero. Nós, do outro lado só pedíamos cautela e tentamos ajudar a não realizar prejuízos que dificilmente serão recuperados na renda fixa atualmente. Conseguimos acalmar alguns, outros não. Mas tentamos, ô se tentamos.

Nova rotina

Agora seguimos tentando acalmar os ânimos de casa, afinal a ordem agora é Home Office.

As empresas que nunca tinham pensado em implantar ou as que pensavam em um futuro distante implantar o home office, viram que não teria outra solução. Para continuar a atividade com segurança teriam de mandar seus colaboradores para casa e confiar que o trabalho seria plenamente realizado.

Assim estou desde dia 17 de março, um pouco mais de 100 dias e um monte de acertos e erros nessa nova rotina.

A empresa (Graças a Deus) nos liberou cadeiras, telas, mouses, e tudo que fosse necessário para ficarmos confortáveis em casa. E, apesar de ter minhas 2 filhas em casa, pois a escola está fechada, conseguimos adaptar a rotina da casa para estar plenamente produtiva.

Os dias seguem, acredito eu, como se estivesse na empresa, as rotinas feitas, reunião realizadas remotamente e o suporte dado à nossa equipe de consultores.

Sigo meus horários, entro as 9 da manhã, almoço por uma hora e saio do sistema às 18 horas. Sinto falta dos almoços e da companhia dos colegas da “firma”, mas vida que segue.

E assim finalizamos o primeiro semestre do ano que, por sinal, passou voando…

Perspectivas para a economia

A economia vem se recuperando, a oscilação do mercado está se suavizando, hoje temos 96 mil pontos de Ibovespa. Já a Selic continua em seu menor patamar, neste momento, 2,25%a.a.

E se posso dar conselhos a quem chegou com a leitura até aqui um seria: “Se cuide e, se puder, fique em casa” e segundo: “Diversifique a sua carteira de Investimentos”.

 

Cintia Cioffi - Mundo Financeiro

Cíntia CioffiProfissional que atua desde 2010 no setor bancário. Teve um carreira sólida com Gerente de uma grande instituição financeira. Atualmente é Analista de Investimentos na Brasilprev. Além disso, é pós-graduada em Produtos Financeiros e Gestão de Riscos pela FIA Business School.

Mundo Financeiro

Ver todos os posts

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale agora via WhatsApp whatsapp